Erro

Quanto tempo irá durar o tratamento?

Postado por Joyce da Conceição Tavares de Lima em 13/04/2021 11:11


Quanto tempo irá durar o tratamento? Essa é uma dúvida que frequentemente aparece na clínica. Não é uma pergunta inusitada, pois vivemos em uma sociedade imediatista, onde há sempre um prazo para ser cumprido. Uma corrida contra o próprio tempo. É a busca desenfreada pelo bem-estar, de demostrar que está tudo bem, de corresponder às perspectivas da sociedade. 

No entanto, se referindo ao processo analítico, não há uma definição do tempo para a "cura" que tanto se espera. Não há um prazo ou determinação de quantidade específica da duração do tratamento.

Quando me perguntam sobre a duração do tratamento, respondo que a análise é um processo. Sim, um processo, pois ela se inicia de uma forma e vai se transformando e criando novas formas durante o percurso da análise.

Segundo Freud (1913):
"Mas em geral o processo, uma vez iniciado, acaba seguindo seu o próprio caminho e não permite que lhe sejam impostas nem a direção nem a sequência dos pontos que ele irá atacar."

Entrar em um processo, tratamento analítico requer o desejo, desejo de se permitir aventurar na descoberta do incosciente a partir da associação livre. Não é facíl, haverá resistências, mas tudo isso faz parte desse processo.

Que tal se permitir entrar em análise?


Referência:

FREUD, S. Sobre o início do tratamento (1913). Tradução: Dornbusch, C. Obras Incompletas de Sigmund Freud: Fundamentos da clínica psicanalítica. 2. ed. Belo Horizonte: Autêntica Editora, 2020.

Para mais informações ou agendar um atendimento:
Via Plataforma da Central Psicologia ou pelo Whatsapp: (22) 99604-7179.

Instagram: @psi.joycetavares


Joyce da Conceição Tavares de Lima
Psicóloga
CRP: 05/62935

Psicóloga formada pela Universidade Estácio de Sá, pós-graduanda em Clínica Psicanalítica. Realiza atendimentos a adolescentes, adultos e idosos.Tem por experiência atendimento com grupos de adolescentes e grupo de mulheres com diagnóstico de câncer de mama. Atualmente atua como psicóloga voluntária no Projeto Rede Psis.

A abordagem utilizada é a Psicanálise. A psicanálise consiste no entendimento que há aspectos vida psíquica que são inconscientes. E esses aspectos são trabalhados a partir da associação livre. Ou seja, fale tudo o que vier à sua mente no momento da análise, sem se preocupar com julgamentos.