Erro

Você costuma se comparar com frequência?

Postado por Nathália Brito Silva em 05/08/2020 10:25:51


Nos comparamos numa tentativa de nos avaliar em relação a outras pessoas, mas já reparou que as vezes esse comportamento tende a derrubar nossa autoestima? Essas comparações injustas geralmente são feitas com pessoas que possuem mais habilidades em determinados comportamentos. Quando isso ocorre acabamos inferiorizando nossas próprias habilidades e competências por crer que o outro é melhor ou que faz algo que você deveria conseguir fazer com a mesma facilidade.

Quando entramos na comparação nossa visão de si fica meio distorcida e podemos deixar de enxergar nossas próprias qualidades e valores, que são extremamente necessários a nossa saúde mental e ao nosso bem estar. E eu te digo que:  Você não precisa ser igual a ninguém pra ser ótimo! Sério mesmo!

Ao mesmo tempo, eu vejo que comparações são um sistema bastante presente em muitas famílias, mas também está presente no nosso sistema educacional, na mídia (praticamente estampado nas redes sociais), etc. Falando especificamente da família, nossos Pais por vezes, utilizam a comparação numa tentativa de promover comportamentos que julgam como sendo válidos aos filhos. Ouvimos desde crianças coisas do tipo: "A Solinete só tira boas notas, você deveria se esforçar mais e ser como ela", ou "A Leila tem os cabelos tão lisos e é magrinha, porque você não faz um regime, alisa esses cachos e fica igual?", entre tantos outros exemplos que provavelmente surgiram ai na sua cabeça enquanto você lia. Vai dizer que não? (Risos)

E sobre tudo isso, eu gostaria de ressaltar que: nosso valor vem sobretudo de nós mesmos, sabe? Não do que X ou Y falam sobre você, ou das habilidades que eles têm e você não. É sobre sua originalidade, sobre quem você quer se tornar e isso não depende de fatores externos. Cada um de nós temos diariamente nossos próprios desafios e diminuir a comparação é mais um deles.

Eu gosto de pensar que mesmos que os desafios pareçam grandes, à primeira vista, com paciência, persistência e autocompaixão chegamos lá! Isso faz sentido pra você? Você pode me deixar sua opinião ou até mesmo tirar uma dúvida clicando >>aqui<<.

E se você quiser, agendar um atendimento comigo é só clicar >>aqui<<, para ver os horários disponíveis. E se você quiser ver os conteúdos que eu posto diariamente no Instagram, basta clicar >>aqui<<.

Te desejo toda sorte do mundo e que você consiga ser mais você e menos o que os outros querem que você seja! Beeijo!